O conteúdo dessa página pode ser reproduzido desde que informado a fonte e o autor.

18 de jun de 2018

ENTOAI SALMOS | SALMO 5



Diariamente, dom João Justino apresenta uma reflexão sobre um Salmo, contextualizando-o para a vida cotidiana.

O programa é produzido pela Paróquia Nossa Senhora Rainha e transmitido pela TV Horizonte, de segunda a domingo, às 5h45. Terça e quinta-feira, às 00h45. Reprises: segunda a sexta-feira, às 11h45 e 18h45 | Sábado e domingo: 17h45

Arquidiocese de Belo Horizonte

SALMO 5
"1.Ao mestre de canto. Com flautas. Salmo de Davi. 
2.Senhor, ouvi minhas palavras, escutai meus gemidos. 3.Atendei à voz de minha prece, ó meu rei, ó meu Deus. 
4.É a vós que eu invoco, Senhor, desde a manhã; escutai a minha voz, porque, desde o raiar do dia, vos apresento minha súplica e espero. 
5.Pois vós não sois um Deus a quem agrade o mal, o mau não poderia morar junto de vós; 
6.os ímpios não podem resistir ao vosso olhar. Detestais a todos os que praticam o mal, 
7.fazeis perecer aqueles que mentem, o homem cruel e doloso vos é abominável, ó Senhor. 
8.Mas eu, graças à vossa grande bondade, entrarei em vossa casa. Prostrar-me-ei em vosso santuário, com o respeito que vos é devido, Senhor. 
9.Conduzi-me pelas sendas da justiça, por causa de meus inimigos; aplainai, para mim, vosso caminho. 
10.Porque em seus lábios não há sinceridade, seus corações só urdem projetos ardilosos. A garganta deles é como um sepulcro escancarado, com a língua distribuem lisonjas. 
11.Deixai-os, Senhor, prender-se nos seus erros, que suas maquinações malogrem! Por causa do número de seus crimes, rejeitai-os, pois é contra vós que se revoltaram. 
12.Regozijam-se, pelo contrário, os que em vós confiam, permanecem para sempre na alegria. Protegei-os e triunfarão em vós os que amam vosso nome. 
13.Pois, vós, Senhor, abençoais o justo; vossa benevolência, como um escudo, o cobrirá."


17 de jun de 2018

Mãe Maria - 17/06/18: A PARÁBOLA DO GRÃO DE MOSTARDA



Apresentado pelo Arcebispo Metropolitano de Belo Horizonte, dom Walmor Oliveira de Azevedo, o programa Mãe Maria é um tempo dedicado à reflexão e oração, à luz do Evangelho proposto pela liturgia de cada dia. Inspirada no exemplo de Nossa Senhora, a reflexão ilumina a realidade, o caminhar da Igreja e a vida de cada discípulo missionário de Cristo Jesus.

MARCOS 4, 26-34

26"Dizia também: O Reino de Deus é como um homem que lança a semente à terra. 
27.Dorme, levanta-se, de noite e de dia, e a semente brota e cresce, sem ele o perceber. 
28.Pois a terra por si mesma produz, primeiro a planta, depois a espiga e, por último, o grão abundante na espiga. 
29.Quando o fruto amadurece, ele mete-lhe a foice, porque é chegada a colheita. 
.
30.Dizia ele: A quem compararemos o Reino de Deus? Ou com que parábola o representaremos? 
31.É como o grão de mostarda que, quando é semeado, é a menor de todas as sementes. 
32.Mas, depois de semeado, cresce, torna-se maior que todas as hortaliças e estende de tal modo os seus ramos, que as aves do céu podem abrigar-se à sua sombra.
33.Era por meio de numerosas parábolas desse gênero que ele lhes anunciava a palavra, conforme eram capazes de compreender. 
34.E não lhes falava, a não ser em parábolas; a sós, porém, explicava tudo a seus discípulos."


A conversão de São Francisco de Assis (Homilia Dominical.405: 11.º Domingo do Tempo Comum)



Neste domingo, para falar do poder extraordinário da graça, Nosso Senhor compara o Reino de Deus a um grão de mostarda, que, sendo a “menor de todas as sementes da terra”, depois “cresce e se torna maior do que todas as hortaliças”.
Meditando sobre essa parábola, Padre Paulo Ricardo conta um pouco da vida de São Francisco de Assis e nos mostra, a partir do testemunho desse grande santo, como podemos fazer florescer as sementes do Evangelho em nosso coração:

Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo segundo São Marcos (Mc 4, 26-34)

Naquele tempo, Jesus disse à multidão: “O Reino de Deus é como quando alguém espalha a semente na terra. Ele vai dormir e acorda, noite e dia, e a semente vai germinando e crescendo, mas ele não sabe como isso acontece. A terra, por si mesma, produz o fruto: primeiro aparecem as folhas, depois vem a espiga e, por fim, os grãos que enchem a espiga. Quando as espigas estão maduras, o homem mete logo a foice, porque o tempo da colheita chegou”.
.
E Jesus continuou: “Com que mais poderemos comparar o Reino de Deus? Que parábola usaremos para representá-lo? O Reino de Deus é como um grão de mostarda que, ao ser semeado na terra, é a menor de todas as sementes da terra. Quando é semeado, cresce e se torna maior do que todas as hortaliças, e estende ramos tão grandes, que os pássaros do céu podem abrigar-se à sua sombra”.
.
Jesus anunciava a Palavra usando muitas parábolas como estas, conforme eles podiam compreender. E só lhes falava por meio de parábolas, mas, quando estava sozinho com os discípulos, explicava tudo.
.
Meditação. — O grão de mostarda é uma semente bem pequena, que se assemelha àqueles farelos ralados da pimenta do reino. Quando cresce, porém, essa mesma semente se torna um grande arbusto. Jesus aproveita-se disso para, no Evangelho deste domingo, estabelecer uma analogia e demonstrar como o Reino de Deus, a Igreja, cresce dentro de nosso coração até tornar-se uma árvore frondosa, onde os pássaros vêm repousar.
.
Depois de dois mil anos de história, a Igreja Católica é hoje essa grande árvore que estende seus ramos por toda parte. Mas nem sempre foi assim. No início da pregação de Jesus, a Igreja era realmente um nada, uma coisa insignificante, que pouco importava diante do Império Romano e outras instituições seculares. Em outras palavras, o Reino de Deus era apenas um dos mistérios da missão de Jesus.
.Na verdade, Jesus compara a Igreja ao grão de mostarda para lembrar que, antes de ser uma instituição visível, ela é uma realidade invisível, cujo desenvolvimento ocorre na alma humana. É dentro do coração do homem que a semente do Evangelho precisa crescer e tornar-se uma enorme árvore, como aconteceu com os grandes santos da história. A vida de São Francisco de Assis, por exemplo, mostra como a ação de Deus é inicialmente discreta. De vaidoso e avarento, o jovem Francisco converteu-se num santo mendigo de Deus, após um encontro misterioso com o Senhor, durante o período em que ficou prisioneiro, por conta da batalha de Colestrada. Esse episódio fê-lo enxergar as misérias da vida terrena e, a partir disso, Francisco começou a interessar-se mais e mais pelas bem-aventuranças. No futuro, o seu testemunho de pobreza total por Jesus faria com que outros grandes santos aparecessem, como é o caso de Santa Clara e de Santo Antônio de Pádua, cuja memória comemoramos no último dia 13 de junho.
.Deus deseja que a sua semente do Reino cresça igualmente no coração de todos os homens. Mas isso depende de nossa correspondência à sua graça, na vida de oração, na frequência aos sacramentos. A alma generosa, por sua vez, será elevada pela força do Evangelho, que brota da Cruz, aos mais altos cumes da santidade.
.
Oração. — Senhor Jesus, fecundai meu coração com a semente da santidade, a fim de que o vosso Reino cresça na minha alma como a semente de mostarda do Evangelho. Fazei de mim e de meus irmãos fiéis discípulos da vossa Palavra, para que, com nosso testemunho, os ramos da Igreja se estendam até os lugares mais longínquos do mundo. Assim seja!
.
Propósito. — Meditar sobre a conversão de São Francisco e a sua renúncia aos bens temporais pelos bens celestes.



16 de jun de 2018

The Story of St Therese of Lisieux

OBS. Postagem e fotos publicada em 2014   



Santa Teresinha é amada em todo o mundo, portanto optei em postar vídeos em outras línguas, para que facilite visitantes de outros países ao acessarem essa página vejam a bela história de Fé em Jesus da nossa Santinha.
OBS. No rodapé dessa publicação existem links que ao clicar abrirá uma página exclusiva a Santa Teresinha.


 

Clique na imagem para ampliar: 








A Capela Santa Teresinha do Menino Jesus fica na Avenida Rui Barbosa, 958, no Bairro que leva o mesmo nome, em JOSÉ BONIFÁCIO-SP.
Dê uma passadinha por lá, além da paz e o amor a Jesus que Santa Teresinha sempre exaltava você encontrara uma linda e receptiva capela.


Clique na foto para ampliar













             Foto:Rivaldo R.Ribeiro







5 de jun de 2018

Atos dos Apóstolos, 2 (VIRTUDES DOS PRIMEIROS CRISTÃOS)


"42 Perseveravam eles na doutrina dos apóstolos, na reunião em comum, na fração do pão e nas orações.
43 De todos eles se apoderou o temor, pois pelos apóstolos foram feitos também muitos prodígios e milagres em Jerusalém e o temor estava em todos os corações.
44 Todos os fiéis viviam unidos e tinham tudo em comum.
45 Vendiam as suas propriedades e os seus bens, e dividiam-nos por todos, segundo a necessidade de cada um.
46 Unidos de coração frequentavam todos os dias o templo. Partiam o pão nas casas e tomavam a comida com alegria e singeleza de coração, 47 louvando a Deus e cativando a simpatia de todo o povo. E o Senhor cada dia lhes ajuntava outros que estavam a caminho da salvação."



2 de jun de 2018

Provérbios - Capítulo 22-O bom nome vale mais do que muita riqueza .



"Provérbios, 22 
1Bom renome vale mais que grandes riquezas; a boa reputação vale mais que a prata e o ouro. 
2.Rico e pobre se encontram: foi o Senhor que criou a ambos. 
3.O homem prudente percebe a aproximação do mal e se abriga, mas os imprudentes passam adiante e recebem o dano. 
4.O prêmio da humildade é o temor do Senhor, a riqueza, a honra e a vida. 5.Espinhos e laços há no caminho do perverso; quem guarda sua vida retira-se para longe deles. 
6.Ensina à criança o caminho que ela deve seguir; mesmo quando envelhecer, dele não se há de afastar. 
7.O rico domina os pobres: o que toma emprestado torna-se escravo daquele que lhe emprestou. 
8.Aquele que semeia o mal, recolhe o tormento: a vara de sua ira o ferirá. 
9.O homem benevolente será abençoado porque tira do seu pão para o pobre. 10.Expulsa o mofador e cessará a discórdia: ultrajes e litígios cessarão. 
11.Quem ama a pureza do coração, pela graça dos seus lábios, é amigo do rei. 12.Os olhos do Senhor protegem a sabedoria, mas arruínam as palavras do pérfido. 
13.Há um leão do lado de fora!, diz o preguiçoso, eu poderei ser morto na rua! 
14.A boca das meretrizes é uma cova profunda; nela cairá aquele contra o qual o Senhor se irar. 
15.A loucura apega-se ao coração da criança; a vara da disciplina afastá-la-á dela. 
16.Quem oprime o pobre, enriquece-o. Quem dá ao rico, empobrece-o.

17.Presta atenção às minhas palavras, aplica teu coração à minha doutrina, 18.porque é agradável que as guardes dentro de teu coração e que elas permaneçam, todas, presentes em teus lábios. 
19.É para que o Senhor seja tua confiança, que quero instruir-te hoje. 
20.Desde muito tempo eu te escrevi conselhos e instruções, 21.para te ensinar a verdade das coisas certas, para que respondas certo àquele que te indaga. 
22.Não despojes o pobre, porque é pobre, não oprimas o fraco à porta da cidade, 23.porque o Senhor pleiteará sua causa e tirará a vida aos que os despojaram. 24.Não faças amizade com um homem colérico, não andes com o violento, 25.há o perigo de que aprendas os seus costumes e prepares um laço fatal. 
26.Não sejas daqueles que se obrigam, apertando a mão, e se fazem fiadores de dívidas; 27.se não tens com que pagar, arrebatar-te-ão teu leito debaixo de ti.
28.Não passes além dos marcos antigos que puseram teus pais. 
29.Viste um homem hábil em sua obra? Ele entrará ao serviço dos reis, e não ficará entre gente obscura."

31 de mai de 2018

O significado de Corpus Christi




"Minha Filha, não faltes à comunhão, a não ser quando tiveres a certeza de que pecaste gravemente; afora isso, não permita que nenhuma dúvida impeça a tua união comigo no meu mistério de amor. As tuas pequenas faltas desaparecerão no meu amor como uma palha jogada num grande braseiro. sabe que muito me entristece, quando me abandonas na Santa Comunhão”. 
Diário de Sta. Faustina – Pág 73

Corpus Christi significa Corpo de Cristo, vem do latim, e tem por objetivo celebrar o mistério da eucaristia, o sacramento do corpo e do sangue de Jesus Cristo. É uma festa religiosa da Igreja Católica. A festa de Corpus Christi acontece sempre na quinta-feira seguinte ao domingo da Santíssima Trindade, em alusão a quinta-feira santa quando Jesus instituiu o sacramento da eucaristia.
Corpus Christi é feriado nacional no Brasil desde 1961. São celebradas missas festivas e as ruas são enfeitadas para a passagem da procissão onde é conduzido geralmente pelo Bispo, ou no caso de não haver, o pároco da Igreja,o Santíssimo Sacramento que é acompanhada por multidões de fiéis em cada cidade brasileira.
A tradição de enfeitar as ruas começou pela cidade de Ouro Preto em Minas Gerais. A procissão pelas vias públicas, é uma recomendação do Código de Direito Canônico que determina ao Bispo Diocesano que tome as providências para que ocorra toda a celebração, para testemunhar a adoração e veneração para com a Santíssima Eucaristia.
A procissão de Corpus Christi lembra a caminhada do povo de Deus, peregrino, em busca da Terra Prometida. O Antigo Testamento diz que o povo peregrino foi alimentado com maná, no deserto. Com a instituição da eucaristia o povo é alimentado com o próprio corpo de Cristo. A eucaristia é o próprio sacrifício do corpo e do sangue de Jesus, é o banquete de Deus, onde ele reparte o pão e o vinho, representado pela hóstia, e relembrando o momento que Jesus o fez, com seus apóstos, e cada indivíduo tem o direito de fazer a comunhão. Antes da comunhão, as pessoas têm que estar livres dos seus pecados, fazendo a confissão para um padre.

Senhor, vós sois a minha força; fortalecei-me, para que sempre cumpra fielmente tudo o que de mim exigis. Por mim mesma nada posso, mas se vós me fortaleceis, nada significam todas as dificuldades. A coragem e a força que estão em mim não me pertencem, mas sim àquele que mora em mim: A Eucaristia.

Diário de Sta. Faustina, Pág. 48

TEXTO FONTE: http://capelasdamisericordiansdeloreto.blogspot.com.br

VISITA AO SACRÁRIO, É AMOR A JESUS...


Clique na foto para ampliar
Por Rivaldo R. Ribeiro - José Bonifácio-SP 

"Quereis que o Senhor vos dê graças? Visitai-O muitas vezes no Sacrário. Quereis que Ele vos dê poucas graças? Visitai-O raramente". São João Bosco.

Nós gostamos de visitar pessoas amigas de conversa agradável, que sejam como nós, que nos compreende, que não temos medo de revelar nossas fraquezas e culpas, que sempre nos recebe com um sorriso quando abrem a porta e nos vê, ah! Como é bom ser bem recebido numa casa, onde as pessoas transmitem o desejo de por lá nós permanecermos por longo tempo sem interesse algum, você já pensou nisso? Assim é quando visitamos Jesus Sacramentado, abrimos a porta do nosso coração para a Fé diante do Santíssimo, (Mistério de luz na qual Cristo Se faz alimento com o Seu Corpo e o Seu Sangue sob os sinais do pão e do vinho, testemunhando ao extremo o seu amor por cuja salvação se oferecerá em sacrifício), restabelecemos a arte da oração.

Que sintam o Senhor no Sacrário como uma referência para ligação entre os homens e Deus. Não podemos entrar numa Igreja orar e esquecer este centro onde se conserva o pão eucarístico consolando os aflitos, fortificando na nossa fraqueza, (porque certa vez Ele disse: Estarei todos os dias com vocês), e Ele nos espera a todo o momento, sabe dos nossos sofrimentos, de nossas alegrias que esquecemos de agradecer, nunca nos condena, porque a condenação parte de nós através de nossos pecados, assim nos ajuda a levantar pelo arrependimento, quando estamos cegos ilumina o nosso caminho com seu amor. Diante disso, como esquecer desse Amigo? Dedicar um tempo do nosso dia, e dizer um olá, prestar contas da nossa vida, não custa nada não é? Amar a Jesus é retribuir um pouquinho do Seu grande amor por nós.

A visita ao Santíssimo Sacramento é um ato de fé muito bonito, pois proclama a Sua ressurreição, assim se valeram muitos homens e mulheres que hoje veneramos como santos de Deus entre eles São Francisco de Assis, que comungava com tal devoção que tornavam devotos os que o viam. Queria que os seus irmãos participassem todos os dias na Eucaristia porque, dizia ele, "ninguém se pode salvar sem receber o santíssimo Corpo e Sangue do Senhor".. Portanto deve-se estimular o culto eucarístico com a exposição do Santíssimo, mantendo ali permanentemente uma luz especial (vermelha) reverenciando a presença de Cristo, e praticando ardentemente esta Fé poderemos alcançar a regeneração de nossa alma e ânimo para nosso corpo.

Ninguém nos ama como Jesus Cristo, e na Mesa da Eucaristia da-se a união física com Ele e com os irmãos ali presentes. Mas se não houver esta correspondência o Seu amor não terá efeito, cada um de nós na fila da comunhão após o sacramento da confissão, devemos estar em pleno estado de amor com nossos irmãos e em Cristo, porque Jesus Cristo é o Amor fraterno e assim devemos imitá-lo no nosso cotidiano.

*Rezemos a seguinte oração para Cristo sob as aparências de pão:

 
"Restaura, ó Senhor, os costumes, alimenta as virtudes, consola os aflitos, fortifica os fracos, leva à sua imitação todos que se lhe aproximam... Logo, quem quer que se aproxime do Santíssimo Sacramento, com particular devoção, e se oferece por amor com zelo ardente e generosidade a Cristo, que nos ama infinitamente, experimenta e compreende a fundo, não sem prazer e fruto para o espírito, quão preciosa seja a vida oculta com Cristo em Deus, quanto vale estar em demorado colóquio com Cristo. Nada há mais suave na terra, nem mais eficaz para conduzir-nos pelos caminhos da santidade". (Paulo VI, Mysterium fidei - Mistério da fé, 69).


Obs. Publicado nesse blog em 21/02/2011- ATUALIZADO 31/05/2018

A Eucaristia


A Eucaristia é Jesus presente entre nós e por nós. Na Eucaristia está realmente presente Jesus com Seu Corpo, Sangue, Alma e Divindade. Com a Eucaristia temos de verdade o Emanuel, ou seja, "Deus Conosco" (Mt 1,23). Justamente S. Tomás de Aquino nos exorta a refletir que não existe nenhuma religião na Terra, que tenha o seu Deus tão perto e tão familiar como a religião cristã, com a Eucaristia.

Coisa ainda maior é que o Verbo Encarnado, Jesus, não só vive entre nós, mas se quer doar, entrar em nosso coração e fazer-se um com cada um de nós. "Quem come minha Carne e bebe o meu Sangue, vive em mim como eu nele" (Jo 6,57). Jesus quer isso a cada dia. Por isso se fez Pão, por que o pão é o alimento cotidiano, é o nutrimento de cada dia, sem o qual nós enfraquecemos e morremos.

A Santa Missa

Onde e quando Jesus se faz Eucaristia? Na Santa Missa. Quando o Sacerdote consagra o pão e o vinho, temos o sacrifício supremo, incruento de Jesus, presente realmente no Altar no estado de vítima. Oh! Qual Divino prodígio é a Santa Missa, que renova o Sacrifício da Cruz e opera o milagre da transubstanciação do pão e do vinho no Corpo e no Sangue de Jesus oferecido por nós. Tinha razão S. Afonso Maria de Ligori ao dizer que Deus não poderia fazer uma coisa maior que a Santa Missa. Pe. Pio dizia que a Santa Missa é infinita como Jesus. Por isso os santos amavam a Santa Missa com um paixão ardente. S. Francisco de Assis queria ouvir ao menos duas Santas Missas ao dia e quando estava doente, queria que um irmão celebrasse em sua própria cela. E nós? Não é verdade que tantos cristãos fazem dificuldades até pra ir à Santa Missa aos domingos? Quão pouco se compreende deste Mistério divino que é a riqueza infinita da Igreja. Se quisermos amar Maria não pdemos esquecer que nunca estamos tão perto dela como quando estamos juntos do altar onde se renova o sacrifício do Calvário (cf. Jo 19,25) Ao Pe. Pio perguntaram se Maria estava presente durante a Santa Missa. Respondeu em tom de surpresa: "Mas não A vêem no tabernáculo?"

A Santa Comunhão

Com a Santa Comunhão Jesus se doa a cada um de nós para nos nutrir do Seu Corpo e do Seu Sangue. "A minha carne é verdadeiro alimento e o meu Sangue é verdadeira bebida" (Jo 6,56)Nutrimento Divino. Nutrimento de Amor e de infinto valor e força. "Bem-aventurados os convidados à ceia nupcial do Cordeiro!" (Ap 19,9). Quem não come deste pão enfraquecerá espiritualmente dia após dia. Jesus o disse com palavras claras: "Se não comerdes minha Carne e não beberdes o meu Sangue, não possuireis a vida em vós" (Jo 6,53). Por isso os santos tinham fome de Jesus e eram heróicos ao fazer qualquer sacrifício para não se privarem do Pão da Vida descido do Céu (cf. Jo ,35-59). O Beato José Moscati fazia todas as mnhãs a Santa Comunhão. E quando ia viajar para o estrangeiro a congressos científicos dos médicos, viajava de noite ou descia de aeronaves, girava as cidades sempre de jejum desde a meia-noite procurando uma Igreja para Comungar. Ele dizia não se sentir capaz de iniciar visitas médicas se antes não tivesse recebido Jesus. E nós? Temos talvez a Igreja a poucos passos, mas não sentimos nenhuma atração pela Santa Comunhão. Somos capazes de ficar sem comunhão até aos domingos. Pobre de nós! Que Nossa Senhora nos ilumine e nos sacuda! Se rezarmos a ela com alegria, Ela nos dará a Graça e a força de aproximar-nos até mesmo todos os dias à Santa Comunhão, porque na Terra não existe nada mais que a faça mais contente quanto a mostrar-lhe Jesus nos nossos corações. Então Ela nos aperta contra o seu coração em um único abraço com Jesus.

Com Jesus e por Jesus

A Santa Missa e a Comunhão me enchem de Jesus para me fazer viver com Jesus e para Jesus o dia inteiro. Com que freqüência, durante o dia, o amor de Jesus me deveria reportar à Eucaristia! Por isso S. Francisco de Sales e S. Maximiliano Maria Kolbe tinham o propósito de fazer a Comunhão Espiritual a cada quarto de hora! Por isto os santos procuravam toda hora e todo momento para correrem e estarem perto de Jesus sempre que possível. As visitas Eucarísticas, as horas de adoração, o pouco tempo de oração junto ao Sacrário, eram a paixão dos santos. E como se industriavam. S Roberto Belarmino, quando jovem, indo à escola, passava na frente de duas Igrejas: indo e voltando, fazia 4 visitas à Eucaristia. A Beata Anna Maria Taigi, mãe de 7 ilhos, tinha todo cuidado para fazer ao menos uma longa visita cotidiana a Jesus Eucarístico. Todo Santo é uma criatura de amor e não pode não sentir atração pelo Sacramento de Amor.

Precisamos dos Sacerdotes

S. Gema Galgani dizia que no Paraíso iria agradecer a Jesus sobretudo pelo Dom da Eucaristia feita aos homens. É impossível que Deus pudesse dar-nos qualquer coisa mais que Si mesmo! Mas como poderíamos ter a Eucaristia sobre a Terra sem os Sacerdotes? Eles, somente eles são os dispensadores dos mistérios divinos (cf. I Cor 4,1). Só a eles Jesus disse depois da 1ª Santa Missa da história, celebrada na 5º feira santa: "Fazei isso em memória de mim" (Lc 22,19). Por esta divina Missão de renovar o Sacrifício de Jesus, o Sacerdote é o escolhido por Deus que o separa de todos os outros homens e o Consagra "Ministro do Tabernáculo" (Hb 5,4; 13,10; Rm 1,1) Feliz o Sacerdote! Os Anjos o veneram porque ele representa Jesus! S. Cipriano diz com força: "O Sacerdote no altar opera na Pessoa mesma de Jesus". Mas para ter os Sacerdotes precisamos das vocações sacerdotais E não só: precisamos de todas as graças da correspondência e da fidelidade à vocação. Quem nos doará todas essas graças? A resposta é única: Maria, medianeira universal. Mas precisamos suplicá-la. Ela é a Mãe do Maior Sacerdote; Ela é a Mãe de todos os Sacerdotes. Ela criou Jesus para o Sacrifício; Ela cria os Sacerdotes para os conduzir ao Altar do supremo sacrifício com a idade plena de Cristo (cf. Ef 4,13). Se precisamos tanto de Sacerdotes, recorramos a Maria, multipliquemos nossas orações e não cansemos de insistir em obter tamanha graça. Com a oração se obtém as vocações: "Rogai ao Senhor da seara que envie operários para a sua messe". Com a oração à Maria obteremos as vocações, pois Ela é poderosa medineira de amor e misericórdia, como disse Jesus. S. Maximiliano Maria Kolbe, louco de amor pela Imaculada, em menos de vinte anos, com o seu amor e sua oração incessante, obteve cerca de mil vocações por seu intermédio. Oh, Maria, Mãe e Rainha dos Sacerdotes, dai-nos muitos e santos Sacerdotes!

Votos
* Participar à Santa Missa e fazer a Santa Comunhão com Maria.
* Oferecer a Santa Missa e a Comunhão a Maria, para a sua alegria.
* Fazer uma visita Eucarística a fim de reparar os ultrajes à Eucaristia.


http://nossasenhorademedjugorje.blogspot.com  
http://www.espacomaria.com.br  

27 de mai de 2018

ORAÇÕES DO CRISTÃO CATÓLICO


01.Pelo Sinal da Santa Cruz
Pelo sinal da Santa Cruz, livrai-nos, Deus, nosso Senhor, dos nossos inimigos.
Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém
.
 02. Credo
Creio em Deus Pai Todo-Poderoso, criador do céu e da terra. E em Jesus Cristo, seu único Filho Nosso Senhor, que foi concebido pelo poder do Espírito Santo, nasceu da Virgem Maria , padeceu sob Pôncio Pilatos, foi crucificado, morto e sepultado, desceu a mansão dos mortos, ressuscitou ao terceiro dia, subiu aos Céus, está sentado à direita de Deus Pai todo-poderoso, donde há de vir a julgar os vivos e mortos. Creio no Espírito Santo. Na Santa Igreja Católica, na comunhão dos santos, na remissão dos pecados, na ressurreição da carne, na vida eterna. Amém.
.
03. Pai - Nosso
Pai nosso, que estais nos Céus, santificado seja o vosso nome, venha a nós o vosso reino, seja feita a vossa vontade, assim na terra, como no Céu. O pão nosso de cada dia nos dai hoje, perdoai-nos as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido, e não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal. Amém.
.
04. Ave - Maria
Ave Maria cheia de graça, o Senhor é convosco, bendita sois Vós entre as mulheres, e bendito é o fruto do vosso ventre, Jesus. Santa Maria, Mãe de Deus, rogai por nós pecadores, agora e na hora da nossa morte. Amém.
.
05. Glória ao Pai
Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. Assim como era no princípio, agora e sempre, e por todos os séculos dos séculos. Amém.
. 
06. Salve - Rainha
Salve Rainha, Mãe de misericórdia, vida, doçura e esperança nossa, salve! A vós bradamos os degradados filhos de Eva. A vós suspiramos, gemendo e chorando neste vale de lágrimas. Eia pois advogada nossa, esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei. E depois deste desterro, mostrai-nos Jesus, bendito fruto de vosso ventre. Ó clemente ! ó piedosa ! ó doce sempre Virgem Maria!.
V. Rogai por nós Santa Mãe de Deus..
R. Para que sejamos dignos
das promessas de Cristo. Amém.
. 
07. Ó Meu Jesus
Ó, Meu Jesus, perdoai-nos, livrai-nos do fogo do inferno, levai as almas todas para o céu e socorrei principalmente as que mais precisarem. Amém
.
08. Santo Anjo
Santo Anjo do senhor, meu zeloso guardador, se a ti me confiou a piedade divina, sempre me rege, guarda, governa, ilumina. Amém
 
09. Ato de fé
Eu creio firmemente que há um só Deus, em três pessoas, realmente distintas: Pai, Filho e Espírito Santo, que dá o céu aos bons e o inferno aos maus, para sempre.
Creio que o Filho de Deus se fez homem, padeceu e morreu na cruz para nos salvar, e que ao terceiro dia ressuscitou.
Creio tudo o mais que crê e ensina a SAnta Igreja Católica, Apostólica, Romana, porque Deus, verdade infalível, lho revelou.
E nesta crença quero viver e morrer.
.  
10. Ato de esperança
Eu espero, meu Deus, com firme confiança, que pelos merecimentos de meu Senhor Jesus Cristo, me dareis a salvação eterna e as graças necessárias para consegui-la, porque vós, sumamente bom e poderoso, o haveis prometido a quem observar fielmente os vossos mandamentos, como eu prometo fazer com o vosso auxílio.  
.
11. Ato de caridade
Eu vos amo, meu Deus, de todo o meu coração e sobre todas as coisas, porque sois infinitamente bom e amável, e antes quero perder tudo do que vos ofender.
Por amor de vós amo meu próximo como a mim mesmo.
  .
12. Ato de contrição
Meu bom Jesus, crucificado por minha culpa, estou muito arrependido por ter feito pecado, pois ofendi a vós tão bom, e mereci ser castigado neste mundo e no outro; mas perdoai-me, Senhor, não quero mais pecar. Amém.
.
13. Ato de confiança
Eu espero, meu Deus, com firme confiança, que, pelos merecimentos de Nosso Senhor Jesus Cristo, me dareis a salvação eterna e as graças necessárias para consegui-la, porque Vós, sumamente bom e poderoso, o haveis prometido a quem observar o Evangelho de Jesus, como eu me proponho fazer com o Vosso auxílio.


24 de mai de 2018

PODEROSO TERÇO MARIA PASSA NA FRENTE



CREIO
PAI NOSSO
AVE MARIA
PRIMEIRO MISTÉRIO
- A MÃE INDO NA FRENTE, OS FILHOS ESTÃO PROTEGIDOS E SEGUEM SEUS PASSOS. ELA LEVA TODOS OS FILHOS SOB SUA PROTEÇÃO.
- AVE MARIA
Dez vezes:MARIA PASSA NA FRENTE E VAI ABRINDO ESTRADAS E CAMINHOS, PORTAS E PORTÕES. ABRINDO CASAS E CORAÇÕES. 
.
SEGUNDO MISTÉRIO
- A MÃE INDO NA FRENTE, OS FILHOS ESTÃO PROTEGIDOS E SEGUEM SEUS PASSOS. ELA LEVA TODOS OS FILHOS SOB SUA PROTEÇÃO.
- AVE MARIA
Dez vezes: MARIA PASSA NA FRENTE E RESOLVE AQUILO QUE SOMOS INCAPAZES DE RESOLVER. CUIDA DE TUDO QUE NÃO ESTÁ AO NOSSO ALCANCE. 
.
TERCEIRO MISTÉRIO
- A MÃE INDO NA FRENTE, OS FILHOS ESTÃO PROTEGIDOS E SEGUEM SEUS PASSOS. ELA LEVA TODOS OS FILHOS SOB SUA PROTEÇÃO.
- AVE MARIA
 Dez vezes: MÃE, VAI ACALMANDO, SERENANDO, E AMANSANDO OS CORAÇÕES. VAI TERMINANDO COM DIFICULDADES, TRISTEZAS E TENTAÇÕES. 
.
QUARTO MISTÉRIO
- A MÃE INDO NA FRENTE, OS FILHOS ESTÃO PROTEGIDOS E SEGUEM SEUS PASSOS. ELA LEVA TODOS OS FILHOS SOB SUA PROTEÇÃO.
- AVE MARIA
Dez vezes: MARIA, PASSA NA FRENTE E CUIDA DE TOOS OS DETALHES. CUIDA, AJUDA E PROTEGE TODOS OS FILHOS TEUS. 
.
QUINTO MISTÉRIO
- A MÃE INDO NA FRENTE, OS FILHOS ESTÃO PROTEGIDOS E SEGUEM SEUS PASSOS. ELA LEVA TODOS OS FILHOS SOB SUA PROTEÇÃO.
- AVE MARIA
 Dez vezes: MARIA, TU ÉS A MÃE E TAMBÉM A PORTEIRA. VAI ABRINDO O CORAÇÃO DAS PESSOAS E AS PORTAS DO NOSSO CAMINHO
.
SALVE RAINHA

Fonte: Canal Youtube Cezariano Jc


13 de mai de 2018

"Ide pelo mundo inteiro e anunciai a Boa Nova a toda criatura! MC 16,15-20


Evangelho (Mc 16,15-20)
Naquele tempo, Jesus se apareceu aos onze e disse-lhes: "Ide pelo mundo inteiro e anunciai a Boa Nova a toda criatura! Quem crer e for batizado será salvo. Quem não crer será condenado. Eis os sinais que acompanharão aqueles que crerem: expulsarão demônios em meu nome; falarão novas línguas; se pegarem em serpentes e beberem veneno mortal, não lhes fará mal algum; e quando impuserem as mãos sobre os doentes, estes ficarão curados".
Depois de falar com os discípulos, o Senhor Jesus foi levado ao céu e sentou-se à direita de Deus. Então, os discípulos foram anunciar a Boa Nova por toda parte. O Senhor os ajudava e confirmava sua palavra pelos sinais que a acompanhavam.
-----------------------------------------------------------
"O Senhor Jesus foi levado ao céu e sentou-se à direita de Deus"
Fray Lluc TORCAL Monje del Monastério de Sta. Mª de Poblet
(Santa Maria de Poblet, Tarragona, Espanha)
.
O Senhor Jesus não apenas ressuscitou, vencendo à morte e ao pecado, senão que também, foi levado à glória de Deus! Por isso, o caminho de volta ao Pai, aquele caminho que tínhamos perdido e que se abria no mistério do Natal, ficou irrevogavelmente oferecido no dia de hoje, depois que Cristo se ofereceu totalmente ao Pai na Cruz.
.
Oferecido? Oferecido, sim. Porque o Senhor Jesus Cristo, antes de ser levado ao céu, enviou aos seus discípulos amados, os Apóstolos a convidar a todos os homens a acreditar Nele, para chegar lá onde Ele está. "Ide pelo mundo inteiro e anunciai a Boa Nova a toda criatura! Quem crer e for batizado será salvo" (Mc 16,15-16).
.
Esta salvação que foi dada a nós, consiste, finalmente, em viver a vida mesma de Deus, como diz o Evangelho segundo são João: "Esta é a vida eterna: que conheçam a ti, o Deus único e verdadeiro, e a Jesus Cristo, aquele que enviaste" (Jo 17,3).
.
Mas aquilo que se dá por amor deve ser aceito no amor para ser recebido como dom. Jesus Cristo, pois, a quem não vimos, quer que lhe ofereçamos nosso amor através de nossa fé, que recebemos escutando a palavra de seus ministros, a quem sim podemos ver e sentir. "Nós acreditamos naquele que não vimos. O anunciaram aqueles que o viram. (...) Quem prometeu é fiel e não engana: Não faltes na tua confiança, senão espera na sua promessa. (...) Conserva a fé! (Santo Agostino). Se a fé é uma oferta de amor a Jesus Cristo, conserva-la e faze-la crescer faz que aumente em nós a caridade.
.
Ofereçamos então, ao Senhor nossa fé!



30 de abr de 2018

JÁ DEU TUDO CERTO- Padre Marcelo Rossi

Postei esse vídeo agradecendo a meus amigos (as) que rezaram para que desse tudo certo na cirurgia de Apêndice de nossa netinha Ana Clara, nossa Aninha de 06 aninhos.
Ao Dr. Mauricio Lima que com sua destreza e competência diagnosticou a tempo uma enfermidade, que poderia complicar e levar a consequências imprevisíveis.
E Nosso Senhor Jesus Cristo e a Nossa Senhora que colocou essas pessoas na hora certa, no momento exato que precisamos de ajuda no nosso caminho.
.  
Já deu tudo certo, Meu Senhor e Mestre Jesus Cristo nos ouviu.
E nosso São Francisco de Assis que tenho certeza nunca nos deixaria sem sua também interseção junto a Deus.
.
Nossa Aninha agora está bem e em recuperação. Damos Graças ao Senhor Jesus por tudo. Por isso eu digo sempre JESUS, EU CONFIO EM VÓS!
.
Assim Seja e o nome do Senhor e Mestre Jesus Cristo seja sempre louvado.
Amem!

22 de abr de 2018

Mãe Maria - 22/04/18- JESUS O BOM PASTOR SÃO JOÃO 10, 11-18

Apresentado pelo Arcebispo Metropolitano de Belo Horizonte, dom Walmor Oliveira de Azevedo, o programa Mãe Maria é um tempo dedicado à reflexão e oração, à luz do Evangelho proposto pela liturgia de cada dia. 
Inspirada no exemplo de Nossa Senhora, a reflexão ilumina a realidade, o caminhar da Igreja e a vida de cada discípulo missionário de Cristo Jesus.




SÃO JOÃO 10, 11-18
1 Eu sou o bom pastor. O bom pastor expõe a sua vida pelas ovelhas.
12 O mercenário, porém, que não é pastor, a quem não pertencem as ovelhas, quando vê que o lobo vem vindo, abandona as ovelhas e foge; o lobo rouba e dispersa as ovelhas.
13 O mercenário, porém, foge, porque é mercenário e não se importa com as ovelhas.
14 Eu sou o bom pastor. Conheço as minhas ovelhas e as minhas ovelhas conhecem a mim, 15 como meu Pai me conhece e eu conheço o Pai. Dou a minha vida pelas minhas ovelhas.
16 Tenho ainda outras ovelhas que não são deste aprisco. Preciso conduzi-las também, e ouvirão a minha voz e haverá um só rebanho e um só pastor.
17 O Pai me ama, porque dou a minha vida para a retomar.
18 Ninguém a tira de mim, mas eu a dou de mim mesmo e tenho o poder de a dar, como tenho o poder de a reassumir. Tal é a ordem que recebi de meu Pai.


15 de abr de 2018

A poderosa oração que está transformando os casamentos

Para ser feita pelo casal de mãos dadas, um olhando no olho do outro

Se alguém lhe dissesse que há algo que você pode fazer para garantir que seu casamento dure a vida toda e que isso só lhe tomaria cinco minutos por dia, você faria? Bom, rezem juntos todos os dias, isso é tudo!

Casamento não é só um casal, mas uma trindade. A terceira pessoa é Deus e temos que permitir que Ele seja parte integrante dessa união para que ela seja saudável.Existem muitas maneiras esplêndidas de rezar, mas eu lhes apresento uma oração transformadora para os casais que espero que levem em conta. Tenho visto resultados profundos em vários retiros de casais que eu tenho o privilégio de dirigir. Considere esta oração como um presente para você e para sua (seu) amada (o). Convido-os a rezar juntos.
.
Preparativos e conselhos:Lembrem-se de rezar lentamente, abraçados ou de mãos dadas e olhando nos olhos durante a oração. Pode fazê-lo! E não tenham medo de conversar um com o outro antes ou, melhor ainda, depois de orarem juntos. Basta falar por falar e estar presente um ao outro.Sugiro que, durante a oração, os casais tentem se lembrar da primeira vez que se viram e do dia do casamento. Ele ou ela continua sendo a mesma pessoa.
.
A oração que transforma casamentos:
.
Querida Santíssima Trindade, Pai, Filho e Espírito Santo! Obrigado pelo profundo dom do sacramento do matrimônio. Obrigado pelo magnífico presente que é minha (meu) esposa (o), a quem Sua prefeita providência planejou para mim desde toda a eternidade. Permita que eu  sempre a (o) trate com realeza, com toda a honra, respeito e dignidade que ela (ele) merece.Ajude-me, Senhor meu, a ser generoso em meu casamento, para dar tudo à minha (meu) esposa (o), sem esconder nada, sem esperar nada em troca, reconhecendo e agradecendo por tudo o que ela (ele) faz por mim e por nossa família. É muito!Por favor, fortaleça e proteja nosso casamento, assim como todos os outros. Ajude-nos a rezar juntos todos os dias. Permita que confiemos em Ti todos os dias da forma que o Senhor merece. Por favor, faça que nosso casamento seja frutífero e aberto à Sua vontade no privilégio da procriação e no cuidado com a vida. Ajude-nos a construir uma família forte, segura, amorosa, cheia de fé, uma Igreja doméstica.Querida Santíssima Virgem Maria, confiamos a ti nosso casamento. Acolha a nossa família sempre debaixo de seu manto. Temos plena confiança em ti, Senhor Jesus, porque sempre estás conosco e busca constantemente o melhor para nós, trazendo todo o bem, inclusive a cruz que o Senhor permitiu em nossas vidas.Querida (o) (nome do cônjuge): Você e eu somos um. Prometo que sempre vou te amar e ser fiel, nunca te abandonarei, daria minha vida por ti. Com Deus e contigo em minha vida eu tenho tudo. Obrigado, Jesus! Nós te amamos.O mundo precisa dos testemunhos de casamentos fortes e bonitos, está ansioso por esta luz. Devemos criar uma cultura que incentive o casamento e a família. Estas palavras devem ser ditas com reverência: O casamento e a família são sacramentos sagrados do Amor inestimável de Deus para o mundo.“Assim, o que Deus uniu, o homem não separe”. (Marcos 10, 9-10)Nunca permita que nenhuma pessoa ou qualquer outra coisa inferior a vocês lhes separe. Deus é com vocês, Deus é amor, o casamento é amor e o amor perdura sobre tudo o que vier, não chegará seu fim (Ler Coríntios 13, 7-8).
Sejamos agradecidos a Deus pelo dom de nosso cônjuge, somos chamados a ser um só agora e para a eternidade.O senhor os abençoes e lhes faça um casamento santo no amor.

Fonte : ALETEIA


10 de abr de 2018

Oração pelo casamento que está passando por problemas


Há dias em que as nossas conversas são como alfinetes, como espinhos na carne
.
Deus de amor, Pai querido, meu matrimônio está passando por um grande conflito, que parece interminável; e quando penso que essa fase está acabando, começa tudo de novo.
.
Há dias em que as nossas conversas são como alfinetes, como espinhos na carne: tudo parece acusação e ofensa.
.
Todas as coisas tornam-se desconfianças, tudo que dizemos transforma-se em agressões verbais; tudo é motivo para retomar fatos e erros passados, e só vemos os defeitos um do outro.
.
Há momentos em que me pergunto se meu casamento vai sobreviver aos desafios que estou vivendo. Se o matrimônio é um pacto divino, por que é tão difícil evitar que a santidade do amor seja contaminada pela suspeita? Se nos comprometemos um com o outro no altar do Senhor, se prometemos amar um ao outro, na alegria, na saúde e na doença, todos os dias de nossas vidas, como, de repente, nosso relacionamento se transformou em brigas e indiferença?
.
Ajuda-me, Senhor, a me lembrar de quando nos conhecemos, das maravilhosas qualidades que vimos um no outro, dos dons, carinhos e sonhos de um futuro de amor e amizade, da relação fundamentada no respeito, do passo a passo da construção de uma família maravilhosa, de todos os sonhos que sonhamos juntos, de sermos amparo um para o outro, da época em que não brigávamos nem discutíamos, de quando não nos ofendíamos mutuamente. Sei que é importante lembrar sempre dos momentos alegres e felizes que vivemos a cada dia, por isso vem, Senhor, reacender em meu coração essas memórias, a chama de amor que nos mantém vivos e unidos, dá-nos essa graça.
.
Ajuda-me, Senhor, a superar as dificuldades da convivência diária e a lembrar que fizemos a opção de partilhar a vida juntos, até que a morte nos separe. Ajuda-me a fazer a minha parte para honrar e manter meus votos.
.
Sei que muitos problemas poderiam ser resolvidos sem mágoa, sejam financeiros – problemas de gastar demais ou economizar demais, deixar as contas atrasarem, comprar sem necessidade – ou afetivos – a cobrança exagerada de atenção e demonstração de afetos, a implicância com defeitos comuns, a indiferença, a desvalorização do outro, a priorização do trabalho ou de bens materiais. Tudo se torna motivo de raiva quando nos esquecemos de que estamos unidos no amor de Deus. Liberta-me, Senhor, desses males!
. Que eu me disponha a deixar passar os pequenos desentendimentos, que nada significam se comparados com as grandes bênçãos partilhadas em nosso relacionamento.
.
Ensina-me a confiar no meu cônjuge e em Deus nos momentos mais difíceis e amar nos momentos de desacordo; a silenciar diante das ofensas verbais e críticas; a acreditar; a resignar-me diante de um olhar de acusação; a compreender o outro diante das ameaças de abandono, de separação; a lutar pelo casamento quando o outro diz que não há mais amor, porque em Deus o amor jamais acaba.
.
Dá-me a coragem e serenidade para enfrentar as situações e sabedoria para buscar soluções. Dá-me a graça de saber perdoar, e que todo o ressentimento seja lavado de minha alma pelo Teu sangue redentor.
.
Hoje, descobri que o casamento perfeito não existe e quero aprender a lidar com as imperfeições a partir de agora. Quero viver cada momento do meu matrimônio de forma plena, sabendo que o relacionamento precisa sempre de um estímulo e de um esforço para vermos mais as qualidades do outro do que seus defeitos. Nós nos casamos para nos apoiarmos um ao outro e para juntos superarmos as dificuldades que sozinhos não éramos capazes de enfrentar.
.
Obrigado, Senhor, por me lembar de tudo isso, pois quero buscar minha reconciliação, colocar docilidade e respeito no relacionamento, pois o amor só sabe amar. O que estávamos vivendo era apenas uma afetividade, uma relação, um coleguismo, e não o relacionamento matrimonial que nos comprometemos a ter diante de todos, no altar.
.
Peço, Jesus, que arranque de minha alma as lembranças dolorosas, que coloque Teus anjos em minha casa e expulse daqui todo mal, toda desconfiança, toda agressividade e mal-entendimento, toda e qualquer força maligna. Se alguém desejou algum mal para nós, para destruir nosso casamento, seja por inveja, seja por magia negra, feitiço ou de qualquer outra forma, entrego-o em Tuas mãos, e que essas pessoas sejam por Ti abençoadas, assim como eu quero que seja o meu lar.
.
Que tenham a graça do Senhor em todos os lares. Amém!

Por Padre Vagner Baia – via Canção Nova 

https://pt.aleteia.org

9 de abr de 2018

A “pequena via” de Santa Teresinha, explicada pelo Padre Paulo Ricardo e 130 anos do ingresso de Santa Teresinha do Menino Jesus na clausura




“Segunda-feira, 9 de abril, dia em que o Carmelo celebrava a festa da Anunciação, transferida devido à Quaresma, foi escolhida para minha entrada.” 

130 anos depois do ingresso de Santa Teresinha do Menino Jesus na clausura, também segunda-feira, também dia 9 de abril, também festa da Anunciação do Senhor, Padre Paulo Ricardo propõe-nos uma meditação sobre a doutrina da “pequena via”. 
Em que consiste este caminho “todo novo” de santidade, que culmina com a entrega de Teresinha “como Vítima de Holocausto ao Amor Misericordioso” de Jesus? 
Qual a profunda teologia por trás dessa grande intuição espiritual: https://bit.ly/2HfLFxb?

8 de abr de 2018

MÃE MARIA 08/04/18:Apresentado pelo Arcebispo Metropolitano de Belo Horizonte (A incredulidade de Tomé.:João 20, 19-31)



Apresentado pelo Arcebispo Metropolitano de Belo Horizonte, dom Walmor Oliveira de Azevedo, o programa Mãe Maria é um tempo dedicado à reflexão e oração, à luz do Evangelho proposto pela liturgia de cada dia. Inspirada no exemplo de Nossa Senhora, a reflexão ilumina a realidade, o caminhar da Igreja e a vida de cada discípulo missionário de Cristo Jesus.
SÃO JOÃO 20,19-31
19 Na tarde do mesmo dia, que era o primeiro da semana, os discípulos tinham fechado as portas do lugar onde se achavam, por medo dos judeus. Jesus veio e pôs-se no meio deles. Disse-lhes ele: A paz esteja convosco!
20 Dito isso, mostrou-lhes as mãos e o lado. Os discípulos alegraram-se ao ver o Senhor. 
21 Disse-lhes outra vez: A paz esteja convosco! Como o Pai me enviou, assim também eu vos envio a vós. 
22 Depois dessas palavras, soprou sobre eles dizendo-lhes: Recebei o Espírito Santo. 
23 Àqueles a quem perdoardes os pecados, ser-lhes-ão perdoados; àqueles a quem os retiverdes, ser-lhes-ão retidos. 
24 Tomé, um dos Doze, chamado Dídimo, não estava com eles quando veio Jesus. 25 Os outros discípulos disseram-lhe: Vimos o Senhor. Mas ele replicou-lhes: Se não vir nas suas mãos o sinal dos pregos, e não puser o meu dedo no lugar dos pregos, e não introduzir a minha mão no seu lado, não acreditarei! 
26 Oito dias depois, estavam os seus discípulos outra vez no mesmo lugar e Tomé com eles. Estando trancadas as portas, veio Jesus, pôs-se no meio deles e disse: A paz esteja convosco! 
27 Depois disse a Tomé: Introduz aqui o teu dedo, e vê as minhas mãos. Põe a tua mão no meu lado. Não sejas incrédulo, mas homem de fé. 
28 Respondeu-lhe Tomé: Meu Senhor e meu Deus! 
29 Disse-lhe Jesus: Creste, porque me viste. Felizes aqueles que crêem sem ter visto!
 30 Fez Jesus, na presença dos seus discípulos, ainda muitos outros milagres que não estão escritos neste livro. 
31 Mas estes foram escritos, para que creiais que Jesus é o Cristo, o Filho de Deus, e para que, crendo, tenhais a vida em seu nome.
                          
                          Clique sobre a imagem para ampliar: